ESSA TAL FELICIDADE

quinta-feira, 17 de junho de 2010

"Dizem que toda a gente,
durante sua vida,
encontra uma vez,
mas uma vez só,
a felicidade, os que a reconhecem
são os venturosos"

Felicidade perdida de Mario Sá-Carneiro poeta Português


Há um ditado que diz que "cavalo celado só passa uma vez", não acredito neste vaticínio, pois perdi uma chance e ganhei outras.
Perdendo o "cavalo", aprendi a reconhecer outros que fatalmente passariam,
pois a vida, não é tão mesquinha.

Olhai ao que o Tim Maia diz


Já rodei todo esse mundo procurando encontrar
Um amor, um bem profundo que eu pudesse realizar
Os meus sonhos de criança, como todo mundo faz
De formar uma família como era dos meus pais
Mas o tempo foi passando e a coisa mudou
Solidão foi se chegando e se acostumou
Essa tal felicidade, hei de encontrar
Mesmo se eu tiver que aguardar, se eu tiver que esperar
De uma coisa eu não desisto, sou fiel não abro mão
De ter filhos, ter amigos, companheira e irmãos
Se essa vida é bonita, ela é feita pra sonhar
Mais aumento o meu desejo de afinal te encontrar
Mas o que eu não me acostumo é com a solidão
Um pedaço do seu beijo ou seu coração
Isso já me fortalece me faz delirar


13 comentários:

Eduardo Medeiros disse...

Adriana, vou responder que nem crente-crente: "Se uma porta se fecha ali/outra porta se abra ali/eu preciso aprender mais de Deus/pois é ele quem cuida de mim...

Pensando bem, gostaria que Deus cuidasse de todos os seus filhos de igual modo...

Não, não vou teologizar!!!

Cecília Meirelles também tem um poema que fala sobre a fugacidade da felicidade. Não lembro ao pé da letra, mas é mais ou menos assim:

És rara, felicidade, quando vens não te demoras, foi você quem ensinou aos homens que existia tempo, e para de medir, inventaram-se as horas.

É isso com algumas outras palavras..rsssss conhece?

Em tempo: Felicidade se constrói, não se espera ela chegar.

beijos

Eduardo Medeiros disse...

Esqueci de dizer: Vozeirão do Tim!!!!! foi embora muito cedo...

Adriana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Adriana disse...

Eduardo,

"crente-crente" foi o máximo, ri litros.

Vc conhece algum corinho de fogo? rsrsrs

Concordo com vc, felicidade é uma construção diaria, incánsavel.

Vou procurar o poema citado, depois te falo

abraço

Adriana disse...

Eduardo,

Agora conheço o poema

Epigrama n. 2

És precária e veloz, Felicidade.
Custas a vir e, quando vens, não te demoras.
Foste tu que ensinaste aos homens que havia tempo,
e, para te medir, se inventaram as horas.

Felicidade, és coisa estranha e dolorosa:
Fizeste para sempre a vida ficar triste:
Porque um dia se vê que as horas todas passam,
e um tempo despovoado e profundo, persiste.

Cecília Meireles

disse...

Eu adoro as musicas de Tim. De ter filhos ter amigos companheira e irmãos.Esta frase é linda. Todos buscam a felicidade, mas as vezes agente até tem , mas nos esquecemos...ai meu Deus, deixa quieto srsr
tem uma musica dele que gosto muito se chama Paixão Antiga, muito linda. paz Adriana adorei seu post querida!

disse...

Só mais uma coisa. Mas sem esquecer o princípio ágape, ou seja, só posso ser verdadeiramente feliz quando faço os outros felizes também.

Adriana disse...

Rô,

"Paixão antiga sempre mexe com gente, é tão díficil esquecer..."

A MO!!!

bom gosto maninha

Quanto ao principio ágape, assino em baixo.

beijão

Regina Farias disse...

Oi, Adri

Eu também não quero jamais me acostumar com a solidão.

Grande Tim!

Beijos,

R.

Adriana disse...

Oi Regina,

se o Tim fosse um pouquinho mais talentoso, explodiria.


abraços

João Carlos disse...

Ahhhhhhh... driana!

Esta felicidade não é MESMO um cavalo selado que só passa uma vez. Concordo com você!

E ai de mim se concondasse com o cavalo selado. Quem sabe das guinadas que a vida costuma dar!

Eu mesmo tive tudo, perdi tudo e recomecei. Hoje sou mais feliz, amo e sou amado!

Ah, se eutivesse desistido de ser feliz!

Viraria estatística, mais um desiludido!

Como diria Gonzaguinha:

"Eu fico com a pureza da resposta da criança / É a vida, e é bonita é bonita..."

Fui!

Adriana disse...

Maninho João,

sua história é linda e inspiradora.

abraços

disse...

João Parabéns pela coragem de recomeçar, tem uma musica do Roupa Nova que gosto muito. "Começo , meio e fim"... é linda. Fala de recomeço!!
lindo seu testemunho! paz!

 

Posts Comments

©2006-2010 ·TNB